terça-feira, 5 de maio de 2009

FLORES QUE NINGUÉM VÊ


Flor de cereja

Quando falamos em flores rapidamente nos vem a lembrança das rosas, margaridas, antúrios, orquídeas, tulipas, copos de leite e muitas tão presente em nossas vidas. Hoje, no entanto vocês vão conhecer aquelas flores que, muitas vezes, estão tão próximas de nós e nem sabemos que elas existem.

É claro que todo mundo sabe que, para que nasça uma fruta, primeiramente ela é uma flor, não é verdade? Você tem idéia de como são as flores de algumas frutas que estão presentes no nosso dia-a-dia? Hoje você conhecerá algumas dessas lindíssimas obras de arte.

Com vocês, as flores que nunca vemos:


Morango (dá vontade de levar pra casa)


Amora


Amêndoa (nem parece de verdade)


Ameixa


Tangerina


Banana


Franboesa


Taranja (grape-fruit)


Pêssego (encantadora, não é mesmo)

Pêra


Morango (dá vontade de levar pra casa)

Merillo


Manga (tem tantas em nossa cidade, mas ninguém vê)


Maçã (parece de mentira)


Limão (não dá pra acreditar que a fruta e tão azeda)

Laranja (dá pra sentir o cheiro)


Kiwi


Lichia


Damasco


Framboesa


Castanha-do-Pará (bem futurista)


Avelã

4 comentários:

THYMBERTHY KKALL LLYY disse...

Oi, blz?
Realmente, são tantas flores de tantos tipos, que podemos até olhar, mas não ver.
Muitas eu conheço, porque, morando bem no interior, eu gostava de plantar. Plantava de tudo. Muitas vezes só para ver se nasciam mesmo. Plantei muitas sementes de maça argentina. Uma nasceu e depois de muito tempo, deu uma única maça e morreu. Plantei morango, batata inglesa, pera, pêssego. Gostava muito de plantar árvores. Plantei inúmeras. Eu que eu mais gostava era a Flambuayant.
Bem, eu acompanhava o crescimento, mas te confesso que nunca dei atenção as flores. Olhava, mas nunca reparei. Eu tinha mania de medir o quanto ele tinha crescido por dia. Geralmente quase nada. rsrsrsr
Teve uma vez que fiz um enxerto de rosas de quatro cores diferentes. Até pegou, deu as primeiras rosas. Branca misturado com vermelha e outra amarelada. Depois, a medida que iam danado mais rosas, todas ficaram vermelhas.
E por fim, fiz um enxerto de laranjeira (tinha um pé antigo aqui) com a flambuayant. rsrsrsrsr Disseram que eu maluco. rsrsrs
Eu só queria ver no que ia dar.
Mas ele até começou a nascer, mas morreu logo depois.
Voltando ao blog (me desculpe, mas eu sempre tenho histórias para contar, e acabo falando pouco de seu blog) foi legal ver e rever tantas flores. Como eu disse, muitas eu até conhecia. Muito bom ver o quanto a natureza capricha nos detalhes.
Abraços e tudo de bom para vc

Loja Roberto Vascon/Natal disse...

É na beleza e simplicidade da natureza que podemos compreeender a grandeza de Deus! Bjs. Madeleine.

Daniele disse...

Amo!!! Amo flores... Lindas, dá vontade de levar tooooodas p casa!
Amei.

Paulo Gurgel disse...

Luciano, olá.
Leia nota no blog EntreMentes dando repercussão a esta postagem.
Um abraço.
Paulo Gurgel
blogdopg.blogspot.com

musica